Origamis depois de quebrar a mão direita

O que dizer desse fim de semestre que quebrou minha mão direita e rachou meu crânio (esse último subjetivamente)? Pouca coisa. Melhor só mostrar esses poucos (mas satisfatórios) origamis que consegui fazer.

DSC_2428

Um Spring, bem simples, mas requer cola. Mas é muito fácil de fazer ele ficar lindo!

DSC_2425

Esqueci o nome desse, e infelizmente não me lembro onde vi. É fofo, fácil e usa cola também. Se achar, posto aqui.

DSC_2418

Esse aqui tem uma montagem bastaaaante complicada, mas tem vídeos no Youtube ajudando a explicar. É o Five Intersecting Tetrahedra, e eu amo muito muito muito ele, acho que é o terceiro ou quarto que faço. Sério, muito bom, mesmo que use papéis com 1/3 de um quadrado. Vale a pena.

DSC_2407

DSC_2415

DSC_2411

E por fim, um origami muito lindo, e pela primeira vez (minha terceira tentativa), fico feliz mesmo com o resultado, mesmo rasgando em alguns lugares. A Violinista, do Hojyo Takashi, no estilo Box Pleating. Muito bom, e exige bastante paciência. Usei um papel sanduíche (pode ter sido muito grosso) de 45x45cm.

@pejofar

O origami que eu mais gosto na vida talvez

DSC_5678

Hippocampus – Román Díaz!! Meu amor, minha vida, minha luz, minha razão de viver. Eu nunca consegui fazer todos os seus passos 100% certinhos, mas um dia eu chego lá. É um ótimo origami pra treinar tudo: tem uma parte meio CP, o acabamento é muito incrível, existem passos bem difíceis de entender, outros muito complexos só para executar… é uma obra prima. Román Díaz é foda demais.

DSC_5682

Inaugurando 2015

Não posto há muito tempo infelizmente, mas eu fiz origamis! Como vocês podem ver:

DSC_5324

Secretary Bird – Román Díaz. Sou muito apaixonado por esse origami, tão leve, gracioso…

DSC_5343

Five Intersecting Tetrahedra – acho que é o kusudama mais massa (e com a montagem mais confusa) que eu já fiz. Foi só meu segundo na vida, mas quero fazer muito mais, porque ele é muito maravilhoso. Ainda não sei montar sem a ajudar de um video :/

DSC_5357

Clydesdale Horse – Quentin Trollip (livro: Origami Sequence). Um origami que nunca me satisfaz, eu sempre acho que a cabeça do meu fica muito baixinha… mas ele geralmente agrada.

DSC_5386

Grim Reaper – Miyamoto Chuya. Bem difícil (meu papel rasgou algumas vezes), assimétrico, mas tem um resultado muito legal. A roupa é muito bem feita.

DSC_5390

A árvore de natal daqui de casa foi um arame com tsurus e um Morning Dew no final! Ficou muito simples mas fofinho também 😀

DSC_5394

Voltando ao origami com alguns origamis bem complicados… mas assim que é bom

Budha – Hojyo Takashi. As mãos são muito interessantes (e difíceis) de dar um bom acabamento. É lindo demais.

Nazgul – Jazon Ku. Um origami difícil, mas maravilhoso, incrível etc sou muito fã desse origami. A minha crina sempre rasga 😦 mas é muito maravilhoso.

Sailboat – Robert Harbin. Não é um origami complexo na teoria, mas é difícil de executar. O acabamento final é de chorar. É até fácil fotografar esse origami, tudo fica lindo…